31 de julho de 2017

Série: Encorajamento para mulheres solteiras - Contra a inveja

16:54

A palavra inveja provém do latim (invidia) e significa olhar com maus olhos. Ela está muito associada com a cobiça, mas com uma saliente diferença: enquanto a cobiça se concentra em desejar o que o outro tem, a inveja se entristece pelo fato de esse outro ter, porque não consegue ser como ele ou ter o que ele tem, sendo assim, a felicidade alheia a sua grande rival.

24 de julho de 2017

Série: Encorajamento para mulheres solteiras – Contra o desespero

20:23

O substantivo “desespero” pode ser definido como “estado de consciência que julga uma situação sem saída”; ou “estado de profundo desânimo de uma pessoa que se sente incapaz de qualquer ação”. E o verbo “desesperar” coloca a situação em termos ainda mais chocantes: “tirar a esperança; deixar de esperar; desanimar de conseguir algo.” Essas palavras são dolorosas porque expressam uma situação de desalento e grande agonia. A causa da nossa dor está no desejo por algo que não conseguimos ter ou no desejo de não ter algo e ter. Em termos práticos o que estou dizendo é: Você sofre por querer ter algo e não conseguir, mas sofre também ao desejar “se livrar” de algo (um problema) em sua vida e não conseguir. Um exemplo do primeiro caso, é o desejo por um casamento, você sonha, espera, acalenta esse desejo no coração e o fato de não o ter ou não está conseguindo te traz sofrimento.

16 de julho de 2017

Série: Encorajamento para mulheres solteiras - Contra as tentações (Conclusão)

23:08

Enfrentando as tentações de maneira diligente como a piedosa Rute.

O livro de Rute relata a história de uma jovem viúva numa época de rivalidade interracial, violência, idolatria e imoralidade. Ela tinha qualquer tipo de desculpa para usar de seu sofrimento (a viuvez precoce) para sucumbir às práticas imorais e idólatras de sua sociedade. Todavia, por meio da providência invisível de Deus, ela decidiu quebrar seu vaso e escolheu seguir o Único Deus, obedecendo aos seus princípios (Rute 1:16). Quando Rute fez sua declaração de fé, “o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus” (1.16), ela quebrou seu vaso de alabastro, configurando que os relacionamentos na cidade em que habitava não condiziam com a vontade do Senhor, e assim ela sai do meio dos moabitas para ingressar em uma cidade que buscava agradar o Deus do universo, a fim de influenciar Israel com o seu amor e virtude. Portanto, para enfrentar as tentações como a piedosa Rute, devemos ter diligência e romper qualquer tipo de relacionamento que desagrade a Deus, e onde o Senhor te colocar, ser sempre meio propulsor para mostrar a piedade e zelo em servir de toda devoção ao Autor e Consumador de nossas vidas.

10 de julho de 2017

Série: Encorajamento para mulheres solteiras - Contra as tentações (1ª parte)

18:00

Na sociedade permissiva em que estamos inseridas, muitas mulheres crescem acreditando que a contínua inquietação interna que vivenciam se deve a uma necessidade de encontrar a realização, seja no âmbito matrimonial, seja na vida profissional e assim, são constantemente bombardeadas a fugir do padrão instituído por Deus para o qual foram chamadas, uma vez que para seguir os conceitos dessa sociedade, o que importa é a autogratificaçao, a autossatisfação. No entanto, não há cargo almejado, como também não existe o “príncipe encantado” que possa suprir o lugar no coração que somente o Senhor tem toda plenitude para reinar, pois nEle somos aperfeiçoadas e Ele é o cabeça de todo principado e potestade." (Colossenses 2:9,10).

3 de julho de 2017

Série: Encorajamento para mulheres solteiras - Contra a solidão

22:23

O tempo de solteirice é um tempo que geralmente possuímos dificuldades de lidar. Por ser marcado pela incerteza do futuro, pela pressão do presente, e por estarmos inseridas em um mundo que é permeado de relações amorosas. O fato de sermos solteiras pode nos trazer várias implicações que nos deixam de certa forma atribuladas e inseguras, uma delas é a solidão, é nela que focaremos nesse texto.